Empreendedorismo

Calçados Bibi lança o 3º Relatório de Sustentabilidade

O lançamento oficial foi realizado no início do mês, em Porto Alegre, durante o 20º Encontro de Franqueados da marca

Parobé (RS), novembro de 2019: No dia 13 de novembro, a Calçados Bibi fez o lançamento do 3º Relatório de Sustentabilidade durante o 20º Convenção Bibi. A iniciativa foi realizada em Porto Alegre (RS), e contou com a participação dos franqueados da rede, gerentes de lojas próprias da Bibi e a equipe de representantes. Elaborado conforme as diretrizes da GRI (Global Reporting Initiative), metodologia internacional de reporte de sustentabilidade adotada pelas principais companhias do mundo, na versão Standards, o relatório apresenta o tratamento dado pela empresa aos tópicos de sustentabilidade considerados mais relevantes por seus públicos de interesse (clientes, colaboradores, fornecedores, comunidade, dentre outros), os principais indicadores de desempenho da organização nas áreas econômica, social e ambiental; bem como a estrutura organizacional e os projetos estratégicos da Calçados Bibi com relação à sustentabilidade.

A terceira edição contempla as operações dos anos de 2015 a 2018, incluindo as atividades realizadas na matriz, em Parobé (RS), e na filial situada em Cruz das Almas (BA).

A Bibi desenvolveu mais uma edição do Relatório de Sustentabilidade, pois acredita que deve comunicar as ações realizadas ao longo destes quatro anos, além dos impactos sociais, ambientais, culturais e econômicos, pois tais fatores podem inspirar outras pessoas e organizações a contribuir para a construção de um mundo melhor. O processo de reporte das ações de sustentabilidade também demonstra aos clientes, colaboradores, investidores, fornecedores, parceiros de negócios e demais stakeholders, que as ações realizadas nos últimos quatro anos estão alinhadas ao propósito da marca, e à missão, visão e valores da Bibi. O relatório anterior foi publicado em 2015, reportando tópicos referentes aos anos de 2013 e 2014. Na época, foram utilizadas para o reporte as diretrizes formuladas GRI (Global Reporting Initiative), versão G4, principal padrão internacional de relatório de sustentabilidade, adotado pelas principais companhias de todo o mundo.

Para a Bibi, a sustentabilidade faz parte da estratégia de negócio. Buscamos sempre a diferenciação e a agregação de valor aos produtos e serviços de forma consciente. Temos a plena convicção que a sustentabilidade, de forma geral, tem papel de extrema importância nestes quesitos. Entendemos que cada vez mais as futuras gerações irão valorizar as boas práticas e as organizações que tiverem um propósito bem definido na busca por produtos que estejam em equilíbrio com o meio ambiente. Como principais desafios enfrentados na consolidação das práticas sustentáveis, apontamos a visão extremamente capitalista existente em alguns mercados e organizações, onde é evidente a descaracterização de quaisquer tipos de ações estratégicas conscientes em prol da perenidade do mercado. É importante também salientar que estas questões servem de combustível e motivam ainda mais a marca na busca de seu propósito principal, que é entregar produtos e serviços de forma ética e sustentável, além de promover o desenvolvimento feliz e natural da criança, dos pés à cabeça, por meio de produtos que encantam pais e filhosrevela o ex-presidente da Bibi e atual presidente do Conselho Consultivo, Marlin Kohlrausch.
Relatório de Sustentabilidade.

Ano a ano, a empresa adota práticas sustentáveis como um todo. Entre eles, a  correta destinação dos resíduos industriais da empresa.  Dessa forma, 56% dos resíduos são reciclados e 44% são coprocessados, ou seja, transformados em matéria-prima para a indústria cimenteira. A marca também aposta na aquisição de energia elétrica limpa, oriunda de fontes sustentáveis. E com o intuito de se tornar uma marca global de desejo, a Bibi atua no mercado apenas com produtos que seguem o conceito do projeto Bibi Proteção Não Tóxica. Neste sentido, foram feitas ações com foco no desenvolvimento e monitoramento de 125 fornecedores, para que todos os calçados sejam produzidos com materiais livres de substâncias tóxicas. Com isso, a Bibi busca a consolidação no mercado nacional e internacional da marca, baseados nos princípios da diferenciação e agregação de valor para o consumidor.

Em uma esfera global, a empresa está conseguindo prospectar e se consolidar em mercados que se posicionam com um grau de exigência bastante elevado, no que se refere aos princípios de sustentabilidade. Neste sentido, os produtos se destacam por serem “Não Tóxicos”.
Entre outras conquistas, podemos destacar que no ano de 2018, por exemplo, a empresa se tornou a primeira do segmento calçadista brasileiro a obter a Certificação Diamante do Programa Origem Sustentável, atestando seu compromisso e estratégia dentro dos princípios sustentáveis, seguindo as dimensões econômica, ambiental, social, cultural e também no que se refere à gestão da sustentabilidade. O posicionamento e as estratégias adotadas mostram que a Bibi, pioneira na fabricação de calçados infantis no Brasil, com 70 anos de história, está contribuindo para o desenvolvimento de melhores práticas no setor. Somos a primeira empresa a realizar estudos científicos com o objetivo de criar o calçado ideal para crianças e sempre buscamos ser uma empresa que trabalha com foco em questões sustentáveis. Tudo isso, nos proporciona importantes diferenciais competitivos no mercado de calçados infantis, se levarmos em consideração que, cada vez mais, toda a população está valorizando estes conceitos em busca de um mundo melhorrevela o gerente de suprimentos, Ismael Fischer.
Sustentabilidade empresarial.

Ainda no dia 13 de novembro, a Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) e a Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos (Assintecal), por meio do Programa Origem Sustentável, realizaram o evento “Sustentabilidade: é hora de avançar”. Durante a iniciativa, que busca dar visibilidade para programas e certificações de sustentabilidade no setor coureiro-calçadista, Ismael Fischer teve a oportunidade de participar de um painel apresentando o case Bibi. Na oportunidade também foi comentado aos mais de 500 participantes do evento sobre o lançamento da terceira edição do Relatório de Sustentabilidade da Calçados Bibi.  

Para ter acesso ao conteúdo do relatório na íntegra, basta acessar o portal da Bibi.

Sobre a Calçados Bibi
Fundada em 1949, a Calçados Bibi é referência no mercado de calçados infantis. Com fábricas em Parobé (RS) e em Cruz das Almas (BA), produz mais de 2 milhões de pares ao ano. Presente em mais de 70 países nos cinco continentes, no Brasil está em mais de 3.500 mil pontos de venda multimarcas, além do e-commerce e de uma rede de franquias com mais de 100 lojas. A marca de calçados infantis é pioneira e líder em desenvolver produtos a partir de pesquisas e estudos científicos. Conquistou reconhecimento do setor a partir do trabalho que desenvolve com os calçados fisiológicos e no emprego de tecnologia da  palmilha Fisioflex Bibi – que proporciona a sensação de andar descalço no seu público-alvo: as crianças.  A empresa é ainda a única calçadista certificada pelo Selo Diamante de Sustentabilidade, que atesta o compromisso com as iniciativas nos processos industriais, bem como o desenvolvimento de ações em sintonia com os pilares estabelecidos pelo programa de Origem Sustentável: Ambiental, Econômico e Social

Mais informações sobre a Bibi
Site: www.bibi.com
Central de atendimento: (51) 3512-3344
instagram: @calcadosbibi
facebook:CalcadosBibi
twitter: @calcadosbibi

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios