Empreendedorismo

5 modelos de gestão que você tem que conhecer para ter sucesso

Saber administrar o negócio é a peça chave para o sucesso da sua empresa. Existem diversos modelos de gestão a ser seguidos, dos mais tradicionais aos mais inovadores, cada qual com suas particularidades e resultados.

Por isso, confira aqui 5 modelos de gestão que você precisa conhecer para garantir o sucesso do seu negócio!

1. Gestão carismática

Em muitas empresas, os líderes e os gestores estão optando por uma gestão mais carismática procurando criar bons relacionamentos e ser, para seus funcionários, o modelo de “chefe legal”.

Esse padrão de gestão funciona muito bem quando a equipe precisa de uma reação ou de um reforço positivo, mas não se adéqua bem caso os funcionários estejam precisando de regras mais rígidas.

É um tipo de gestão muito boa para fazer as coisas acontecerem na empresa, para motivar os funcionários a ser mais produtivos e a se envolverem mais, pois a equipe passa a olhá-lo não só como um chefe, mas como um exemplo a ser seguido.

2. Gestão controladora

Geralmente, esse líder mantém seus funcionários sob uma rédea curta, cobra a assiduidade, a pontualidade e a produtividade, avaliando mais cada funcionário individualmente do que a performance de toda a equipe.

É um tipo de gestão mais tradicional e antiga, que é utilizada em muitas empresas ainda. Funciona? Sim e é importante que os líderes tenham um pulso firme. No entanto, é preciso saber dosar esse lado controlador, pois esse tipo de gestão só é adequada com equipes ou funcionários ainda muito imaturos.

Esse tipo de gestão não deve ser aderida por muito tempo. Ela deve ser aplicada apenas quando a equipe estiver saindo dos eixos. Caso contrário, seus funcionários poderão não se sentir bem lidando muito tempo com uma gestão controladora, gerando rotatividade de funcionários, o que é ruim para o seu negócio.

Apesar disso, é um modelo de gestão que deve ser conhecido e até aderido por tempo determinado, se for preciso.

3. Gestão meritocrática

Essa é aquele tipo de gestão baseada na relação entre ação e reação, que depende da performance de cada um e da equipe. O líder faz uso de metas, de planilhas e de tabelas como ferramentas para avaliar a equipe e os méritos de cada um. É um líder, de certa forma, justo.

Nesse modelo de gestão, aqueles que não estão sendo produtivos e entregando são mais cobrados, enquanto aquele que está desempenhando bem a sua função e cumprindo todas as suas metas é deixado mais solto. Simples assim!

A gestão meritocrática é bem diferente da gestão carismática, em que o líder é “bonzinho” com todo mundo e alguns podem acabar passando por cima dos seus deveres. Este modelo é diferente também da gestão controladora, em que o líder mantém todo mundo sob uma rédea curta, indiferentemente de estarem desempenhando bem ou não o seu trabalho.

4. Gestão sistemática

A gestão sistemática é aquela na qual o líder gosta que as coisas sejam feitas de uma determinada maneira — do jeito dele, nos seus padrões. Apesar de parecer mais engessado, esse modelo de gestão funciona muito bem em empresas que trabalham com um produto muito complexo, de altíssimo valor e com um alto padrão de qualidade, em que nada pode ser improvisado e deve seguir um padrão exato.

Salvo esses casos, esse modelo de gestão pode não ser a melhor opção, pois remete uma falta de confiança na equipe.

5. Gestão inovadora

A gestão inovadora é aquela que procura agregar novos modelos, fazer diferente e não ter que bater de frente com a concorrência. O líder que trabalha sob um modelo de gestão inovadora procura explorar novos mercados, resolve problemas com mais criatividade e está sempre procurando novas maneiras de estimular a produtividade da sua equipe.

Esse não é um líder tão centrado em detalhes: para ele, importa muito mais que o funcionário seja produtivo do que pontual. Todo líder deve ter ao menos um pouco de gestão inovadora em si — pensar fora da caixa, mas sem perder o juízo.

Todos esses modelos de gestão são importantes para o seu negócio. Uns são mais eficientes que outros, mas é importante ter um bom conhecimento e, pelo menos, um pouquinho de cada um.

E aí na sua empresa, qual é o modelo de gestão utilizado? Conta pra gente nos comentários.
E então, gostou deste artigo? Antes de concluir, deixamos uma última dica: para ter sucesso na escolha do melhor modelo de gestão é preciso manter-se constantemente atualizado. Por isso, curta a nossa página no Facebook. Nela, você sempre acompanhará informações úteis para o dia a dia de um líder empreendedor. Te esperamos por lá!

Tags

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios