Empreendedorismo

Qual o perfil ideal para ser um franqueado?

Você já deve ter percebido que o franchising tem trazido muito sucesso para novos e experientes empresários. Se você não entende muito bem como funciona uma franquia, trata-se de um modelo de negócio em rede onde um franqueador que detém uma marca cede direitos a outra pessoa, o franqueado, para replicar o seu negócio.

Esse modelo de negócio mostrou-se, quando bem aplicado, efetivo, com possibilidade de trazer altos lucros, minimizando riscos de investimento e otimizando o árduo processo de começar uma empresa sozinho.

No entanto, nem tudo é perfeito, o elo mais fraco desse sistema normalmente é o franqueado, que tem um perfil a ser trabalhado e muitas vezes expectativas erradas.

Saiba neste artigo se você tem o perfil ideal para ser um franqueado de sucesso:

Como saber se você tem as características necessárias para ser um franqueado

Antes de enumerar as qualidades e talentos necessários para ser um franqueado, vamos falar tudo o que um candidato a franqueado não pode ser:

Reatividade no dia a dia de trabalho

Isso acontece bastante. Por acreditar que o franqueado e o modelo de negócio são quase automáticos, ele apenas adquire a franquia e espera que da noite para o dia, a franqueadora faça com que a nova unidade renda altos lucros.

Trata-se de uma ilusão. Com certeza o sistema de franquia necessita de menos trabalho no sentido de planejamento, gestão administrativa, mas o sucesso do negócio também parte do trabalho duro em executar o modelo de negócio em sua loja.

Sempre haverá o suporte do franqueador, no entanto, se o novo franqueado for muito reativo, pode ser que o seu negócio não prospere.

Desobediência ao manual do franqueado

Ao começar a relação de franqueado e franqueador, o novo empresário recebe um manual completo sobre como se portar. Mesmo que ele não tenha perfil ideal, basta seguir o manual fielmente para que o empreendimento seja um sucesso.

Neste manual deve haver processos a serem implantados, atitudes que devem ser tomadas e uma série de fatores muito importantes. Mesmo que haja erros por parte do franqueado, o franqueador costuma dar feedbacks para melhorar a unidade, nesse momento o franqueado deve saber ouvir e não ser desobediente, causando grandes danos ao negócio.

Mas então quais são as habilidades e talentos do franqueado ideal?

Proatividade

Como dito, o franqueado deve ser proativo, não no sentido de alterar o negócio, mas na direção de executar todas as orientações do franqueador.

Capacidade de gerir pessoas

Essa é uma habilidade complicada de cultivar, afinal, tudo que envolve pessoas tende a ser mais difícil. É preciso desenvolver uma sensibilidade de líder enquanto lida com os colaboradores na rotina diária.

O bom líder não ordena, ele orienta. Mostra o melhor caminho. Trabalha junto e sempre dá o exemplo para a equipe de trabalho. Lembre-se que o sucesso de uma empresa passa diretamente pelas pessoas.

Ter um bom relacionamento com o franqueador

Ratificamos essa qualidade, o relacionamento com o detentor da franquia deve ser chave. Por isso avalie muito bem com qual marca você trabalhará. Se possível, converse com outros franqueados e pergunte se o suporte e relacionamento com a franquia é bom.

Gostou desse texto? Nós produzimos novos artigos frequentemente em nosso Facebook. Curta a nossa página para saber tudo sobre franchising.

Tags

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios