Empreendedorismo

7 Dicas do que considerar antes de conceder os benefícios ao colaborador

Uma empresa, para se destacar no mercado, precisa se preocupar com variados aspectos de gestão, sendo um dos mais importantes as pessoas. Uma das formas de valorizar os colaboradores é a aplicação dos chamados benefícios e, para isso, é necessário identificar aspectos a se considerar antes de conceder os benefícios ao colaborador.

Alguns desses benefícios são obrigados por lei, já outros são optativos, agindo como uma forma da empresa valorizar e motivar seus funcionários.

Com isso, é possível levar o colaborador a um novo patamar de produtividade.

Dentre os benefícios que podem ser oferecidos estão o convenio odontologico empresarial, assistência médica e vale-refeição, por exemplo.

No presente texto abordaremos sobre o que a empresa deve levar em consideração antes de conceder esses benefícios aos colaboradores e quais são as vantagens ao adotar essa política dentro das organizações.

Entendendo os benefícios para funcionários

Os benefícios, de maneira resumida e simplificada, consistem em todas as “regalias” concedidas pelas empresas para dar suporte ao funcionário e promover seu bem-estar e um trabalho em boas condições.

Existem basicamente dois tipos de benefícios, uns que são chamados de  obrigatórios e os não obrigatórios. 

Os de primeira natureza são aqueles previstos em leis, e se constituem como direitos dos trabalhadores.

O segundo, por sua vez, podem ser concedidos ou não aos colaboradores, variando de empresa para empresa e de acordo com as políticas de gestão de pessoas. 

Os benefícios podem ou não estar incluídos no salário, ou seja, havendo uma pequena porcentagem que o trabalhador paga para usufruir do benefício.

No caso do plano odontologico empresarial é muito comum a coparticipação, em que os exames e internações são cobertas em parte pelo convênio e em parte pelo funcionário com um desconto muito favorável direto de seu pagamento.

O uso dos benefícios corporativos, como também são chamados, ajudam as empresas a conseguirem fidelizar seus talentos, aumentar a produtividade e garantir a satisfação do trabalhador, proporcionando um melhor clima organizacional.

Alguns benefícios corporativos são:

  • Assistência médica;
  • Horários flexíveis;
  • Vale-refeição;
  • Participação nos lucros;
  • Plano odontologico.

A empresa que decide investir nos benefícios corporativos precisa identificar quais são aqueles que mais trarão resultados para a equipe e se adequam à sua cultura.

Assim, caso a sua equipe seja formada por pessoas mais jovens, é importante que esses benefícios estejam relacionados ao ambiente de trabalho, com salas de descanso, salas de jogos e acesso a internet, por exemplo.

Dependendo do ramo das empresas, é possível investir em aulas de meditação e yoga para relaxamento e integração da equipe, além de oferecer um local de pet friendly, tornando o ambiente menos estressante. 

Caso sua equipe seja de pessoas mais maduras e mais velhas, investir em um convênio de coparticipação como o plano odontologico para MEI, de modo que os colaboradores se sintam mais valorizados pode ser determinante na prestação e qualidade dos serviços.

Assim, é preciso levar em consideração alguns pontos antes de decidir qual benefício pode ser oferecido.  Conheça alguns deles nos tópicos a seguir: 

1. Necessidade e orçamento

Como mencionado, é preciso conhecer quais são as demandas de seus colaboradores, bem como o perfil desse público.

Com isso, é possível identificar quais os benefícios mais indicados para atender as necessidades do corpo laboral adequadamente, promovendo mais engajamento, desenvolvimento e bem-estar.

Além disso, é extremamente necessário considerar o orçamento disponível para isso, priorizando os benefícios que trarão os melhores resultados, atenderam uma demanda mais urgente e/ou que estiverem mais adequada ao saldo disponível para isso.

Ou seja, é preciso que haja um estudo sobre quais as opções e como elas podem contribuir para a melhora da empresa e dos funcionários.

2. Motivação

O que pode motivar sua equipe? Conhecer a resposta para essa pergunta fará com que você entenda a verdadeira demanda para a oferta de um benefício.  Deste modo é possível criar motivação, o que gera resultados. 

Para isso, é crucial que também se faça um estudo sobre o perfil dos profissionais que compõem a empresa, adequando as opções àquelas que melhor respondam às necessidades e anseios do corpo funcional.

3. Criação de satisfação

Encontre um benefício que trará satisfação e engajamento ao colaborador, inclusive, atividades e campanhas diversas para trazer mais dinâmica para o ambiente de trabalho, proporcionando mais integração entre as equipes.

Tal fator se relaciona diretamente com o ponto anterior e com o desenvolvimento do profissional e sua relação com a empresa, trazendo bons frutos, inclusive financeiros, visto que a produtividade é ampliada –  trazendo um ótimo retorno sobre o investimento realizado. 

4. Boa reputação da empresa

Esse fator também pode ser entendido como uma vantagem, pois procurar por bons benefícios pode aumentar a reputação da empresa, de modo a atrair novos talentos e reter os talentos.

Contudo, antes de ter a ampliação da marca da empresa como contratante, é preciso que a operadora que oferecerá o benefício também seja de qualidade.

Afinal, é preciso que os benefícios oferecidos sejam efetivos, agregando facilidades à rotina e ao bem-estar dos colaboradores e gestores.

5. Melhora do ambiente de trabalho

Benefícios ajudam a melhorar o ambiente de trabalho, então, procure os componentes que poderão compor de melhor forma os espaços.

Exemplo disso é considerar, principalmente no caso de colaboradores com o perfil mais jovem,  espaços de descanso com jogos e demais componentes para um local mais descontraído. 

Isso porque, apesar de não ser um fator relacionado imediatamente aos benefícios, aspectos relacionados ao bem-estar e melhora do ambiente de trabalho e das relações interpessoais, como confraternizações, também podem ser considerados benefícios.

6. Resultados e cobertura do benefício

Encontre benefícios que motivem e que, principalmente, gerem resultados na rotina do profissional.

Isso pode ser feito, por exemplo, por meio de planos de saúde e odontológicos, já que poderão trazer mais segurança ao profissional, por saberem que estarão amparados em relação à saúde. 

Além disso, os planos oferecem mais saúde e bem-estar em si, ao proporcionar consultas de forma mais ágil, facilitando o acompanhamento correto do profissional, que preservará o pleno funcionamento.

Assim, o colaborador se sentirá valorizado e cuidado pela empresa, impactando na produtividade.

Um fator a observar nesse quesito, no entanto, são os pacotes oferecidos pela operadora, que podem ir dos mais básicos aos mais complexos, incluindo até procedimentos estéticos. 

A abrangência, em relação aos locais de atendimento e possibilidade de inclusão de dependentes, também são fatores extremamente importantes antes de contratar o benefício.

7. Necessidade de inovação e mensuração

Pesquise benefícios que permitam que os funcionários sintam a necessidade de inovar nas suas mais variadas vertentes. Isso garante a qualidade dos serviços.

Além disso, oferecer benefícios tecnológicos e que até otimizem a rotina é crucial para o desenvolvimento do profissional e a dinamicidade de sua rotina.

Assim, por fim, é importante que ao entregar os benefícios se monitore a equipe, de modo a entender quais impactos esses serviços estão trazendo ao colaborador e quais são os resultados para a empresa. 

Ou seja, se o benefício está cumprindo seu objetivo e realmente atende as necessidades do quadro de funcionários.

Abaixo falaremos sobre alguns tipos de benefícios não obrigatórios e que podem servir como uma fonte de motivação, organização do clima organizacional e aumento da produtividade.

Benefícios ao colaborador não obrigatórios que podem ser oferecidos

O uso dos benefícios ao colaborador não obrigatórios são muito importantes para que as empresas retenham seus talentos e para que atraiam novos profissionais e evoluções para a corporação. 

Isso faz com que as empresas desenvolvam uma cultura empresarial mais positiva. Abaixo conheceremos alguns desses benefícios ao colaborador.

1. Vale-alimentação ou refeição

São benefícios considerados um dos preferidos das empresas e dos colaboradores, consistindo em um valor destinado para ser usado em supermercados, restaurantes e padarias, auxiliando na alimentação do funcionário.

No caso do vale-refeição, deve ser usado em restaurantes e padarias, enquanto o alimentação pode ser usado em supermercados para suprimento.

O valor, geralmente,  é feito em acordo coletivo e em alguns lugares o vale é obrigatório, em pelo menos um desses formatos.

Esse vale é dado em um cartão magnético com crédito mensal e são aceitos nos estabelecimentos comerciais.

2. Plano odontológico e médico

O plano odonto empresarial é um convênio feito pela empresa para o funcionário e que cobre custos básicos, ou complexos (conforme o plano) em cuidados com os dentes. 

Assim, o colaborador só paga uma taxa que é descontada automaticamente do salário e tem acesso à profissionais que auxiliarão na manutenção da saúde. 

A assistência médica funciona da mesma maneira que o plano odontológico, com o desconto em folha de pagamento.

Em algumas empresas, são disponibilizados profissionais de saúde como massagistas e fisioterapeutas no próprio ambiente, ajudando a manter a saúde e o relaxamento dos colaboradores.

3. Vale cultura

Consiste em valores para aquisição de serviços ou produtos de entretenimento e lazer como teatro, cinema, livros e jogos. 

Além do vale, também pode ser dado vouchers com o mesmo objetivo, mas que são oferecidos como prêmios aos colaboradores que se destacarem nas atividades realizadas.

Desta maneira, os benefícios ao colaborador são muito importantes para manter uma equipe motivada e feliz, trazendo um bom ambiente corporativo. 

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe da Networkflow, especializada em materiais para network, empreendedorismo e dicas para a saúde e retenção de funcionários.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios