Empreendedorismo

Sapatizi: Ideia inusitada que socorre as mulheres do incomodo do salto alto virou franquia e foi replicada na Europa e EUA

Vending Machine de sapatilhas anatômicas estreia suas ‘máquinas de conforto’ em Portugal e EUA

A originalidade do publicitário Edison Edwin transformou uma ideia inusitada em uma solução criativa que virou franquia e acaba de ser replicada na Europa e EUA.  Desde 2013 que as máquinas de Edwin tem aliviado os pés de muitas mulheres nas festas e eventos espalhados pelo Brasil.

sapatize

Sejam casamentos, festas de 15 anos aniversários ou até mesmo nos badalados camarotes do carnaval. A proposta da máquina é única: oferecer sapatilhas anatômicas personalizadas, em máquinas de vending machine, para as mulheres descansarem os pés detonados pelo salto alto. Além do conforto o empreendedor explica que existe toda uma experiência por trás da proposta.

sapatizi

“Assim nasceu a Sapatizi: Com uma pitada de raridade nas máquinas de vending machine. Distribuímos fichas para cada mulher que se cansa do salto alto ir lá na máquina, pegar sua caixinha com o kit do conforto: sapatilha, prendedor de cabelo e um saquinho para guardar o salto alto.” explica Edwin que acaba de transformar a ideia em franquia e replicá-la em Portugal e EUA.

sapatizi

A empresa existe desde 2013 e já com com mais de 7 mil eventos realizados. Há 2 anos a Sapatizi adotou o sistema de franquias e atualmente está presente em 9 localidades: Ceará, Pernambuco, Alagoas, Belo Horizonte, Dourados – MS, Maringá – PR, Rio Grande do Sul e filiais no Rio de Janeiro São Paulo.

A versão para a rapaziada

Como os homens começaram a questionar o fato de só mulheres ganharem esse mimo, o empreendedor acaba de lançar a linha masculina que promete aquecer os pés da rapaziada no inverno.

O primeiro a experimentar essa nova investida de Edwin foi o jogador do flamengo Everton Ribeiro. O craque apostou nas pantufas masculinas como lembrança para os convidados e colegas do Flamengo que estiveram em seu aniversário de 30 anos. Foto: Rodrigo Xavier

sapatizi

A versão infantil

Na Sapatizi, o time chegou a conclusão de que seria pertinente desenvolver uma solução para o público infantil, já que nas festas os pais costumavam perguntar se não havia algo para as crianças colocarem na hora das brincadeiras. Foi então que surgiu a Sapatizi Kids, cuja proposta é evitar que as crianças brinquem descalças durante as atividades recreativas.

sapatizi

Quer conhecer mais sobre seu futuro empreendimento?

Veja nossos outros artigos sobre Franquia e Empreendedorismo.

Sucesso!

maquininhas

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios